Fenajud participa de Festival da Comunicação Sindical e Popular no Rio de Janeiro

Google+ Pinterest LinkedIn Tumblr +

A Federação Nacional dos Trabalhadores do Judiciário nos Estados (Fenajud) participou, a convite do Sindjustiça-Rj (Sindicato dos Servidores do Poder Judiciário do Rio de Janeiro), do 2º Festival de Comunicação Sindical e Popular, proposto pelo Núcleo Piratininga de Comunicação (NPC) no estado do Rio de Janeiro. O evento abriu espaço durante toda terça-feira (24), em praça pública, para que houvesse trocas e debates em torno da comunicação e da cultura contra-hegemônicas. A Federação esteve representada pela assessoria de comunicação da entidade.

Desde o início da manhã a Praça da Cinelândia foi ocupada por profissionais da imprensa sindical, popular e alternativa do nosso país. Foram apresentadas em aulas públicas sobre os movimentos vividos e que têm relação com os desafios de hoje. Houve ainda apresentações com música, teatro e dança para expor os mais diversos trabalhos de comunicação realizados por sindicatos, coletivos, movimentos sociais e associações de moradores.

Os mais diversos comunicadores do país estiveram em barracas onde realizaram a exposição dos trabalhos dos coletivos de comunicação popular e da comunicação sindical, levando à população um material alternativo e de qualidade.

A barraca do Sindjustiça-RJ, sob a guarda da diretora da entidade, Ana Paula Couto, e outros diretores do sindicato, disponibilizou material durante todo o período. Foram entregues aos participantes camisetas e cartilhas da atual campanha veiculada pela entidade contra a precarização do trabalho – com foco no judiciário. Além disso, aconteceu a exposição de revistas e material informativo sobre a Previdência e outros temas de interesse da categoria.

“Seguindo nossa política de aproximação das lutas populares, o Sindjustiça-RJ, participou da segunda edição do Festival de Comunicação Sindical e Popular, juntamente com a Fenajud. No evento, lançamos a campanha contra a precarização do trabalho, com a distribuição de camisetas da campanha e um livreto explicativo para a população. A Fenajud esteve conosco durante todo evento fortalecendo nossa participação. Foi um experiência muito boa, oportunidade em que ampliamos contatos e estreitamos laços fraternos para seguirmos na luta” afirmou Ana Paula.

Para a assessora de imprensa da Fenajud, Crislene Azevêdo, “o momento é de união mesmo, porque devemos buscar integração junto a outros segmentos, a fim de ampliarmos os mecanismos de batalha contra a retirada de direitos. O debate saudável de novas formas de comunicação e como isso pode ser trabalhado pelas entidades foi enriquecedor. A intenção é que a Federação esteja no próximo ano novamente participando do evento, com grande volume de material para apresentarmos à sociedade”.

O evento foi aberto e gratuito, realizado a partir da colaboração de todas e todos que acreditam ser possível construir uma comunicação transformadora.

Comments

comments

Compartilhar

Deixe uma resposta