Fenajud apoia dia de luta dos professores e estudantes em defesa da educação

Google+ Pinterest LinkedIn Tumblr +

Em meio a mobilizações que só crescem em universidades e institutos federais de todo o país, que farão o Dia Nacional em defesa da Educação, a coordenação colegiada da Fenajud declara apoio aos atos neste 15 de maio que acontecerão em todo país. Há previsão de assembleias, panfletagens, mobilização de comunidades acadêmicas e população em geral.

Secundaristas, universitários, pós-graduandos, professores e trabalhadores da educação vão ocupar ruas e salas de aula em todos os estados da federação contra os cortes de 30% nas instituições federais, ataques à política de cotas e PNAES. Algumas Universidades já declararam que o corte significa que várias atividades das instituições serão paralisadas.

Para a Federação ficou claro que o presidente Jair Bolsonaro e o Ministro da Educação, Abraham Weintraub, querem desestabilizar a educação, ao chantagear a população fazendo da aposentadoria moeda de troca para rever os absurdos cortes na educação, afirmando que depois de setembro as coisas podem voltar ao normal.

Todos temos direito à educação, a justiça e a aposentadoria e eles não podem ser negociados.

 

 

Comments

comments

Compartilhar