Atos contra a reforma da Previdência tomam conta das ruas do país

Google+ Pinterest LinkedIn Tumblr +

Alguns dirigentes sindicais da Federação Nacional dos Trabalhadores do Judiciário nos Estados (Fenajud) e de entidades filiadas estiveram presentes, em Brasília (DF). Sindicatos participaram também de atos nas Unidades da Federação. 

Repetindo o ocorrido em outras unidades da Federação, nesta segunda-feira (19), alguns dirigentes sindicais da Fenajud (Federação Nacional dos Trabalhadores do Judiciário nos Estados) – e de sindicatos filiados – protestaram contra a reforma da Previdência na capital federal e nas Unidades da Federação. O ato em Brasília (DF) foi realizado na Esplanada dos Ministérios, no setor central. Nas demais cidades também foram registradas manifestações.

A coordenadora-geral da Fenajud, Sandra Silvestrini, reafirmou o posicionamento da Federação em relação aos constantes ataques contra a classe trabalhadora. Para Sandra, “os trabalhadores do Judiciário não se confundem com a cúpula do poder, somos trabalhadores como todos os outros e não somos privilegiados. Nós, como Federação Nacional dos Trabalhadores do Judiciário nos Estados, representamos os trabalhadores e trabalhadoras do país que lutam a cada dia por seus direitos. Nós estamos nas ruas desde o começo, contra a reforma da Previdência e não aceitaremos retrocesso”, disse.

As ações ocorreram mesmo sem a votação da medida na Câmara dos Deputados, que não aconteceu por conta do decreto de intervenção federal na segurança pública do Estado do Rio de Janeiro, assinado pelo presidente da República na sexta-feira (16). A pauta também foi alvo das críticas de sindicatos e movimentos populares.

Estiveram no ato, organizações integrantes da Frente Brasil Popular, como a Central Única dos Trabalhadores (CUT) e o Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST), e da Frente Povo Sem Medo, como o Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST), além de diversos sindicatos do país.

Confira as fotos do ato em Brasília aqui. 

Comments

comments

Compartilhar

Deixe uma resposta