Servidores do Judiciário protestam contra Lei que desfaz recomposição salarial

Google+ Pinterest LinkedIn Tumblr +

RONDÔNIA – Na manhã desta segunda-feira (14/10), servidores do Poder Judiciário do Estado de Rondônia reuniram-se em frente do Tribunal de Justiça e dos fóruns nas Comarcas do interior do Estado para fazer um protesto ordeiro e silencioso contra a não implementação do reajuste salarial 2019.

A manifestação é contra a revogação da Lei 4574/2019 que concedia aos trabalhadores do Poder Judiciário uma recomposição salarial no patamar de 2% ainda abaixo do índice inflacionário oficial de 2018, que foi fixado em 3.75%.

Vestidos de preto, empunhando cartazes e com palavras de ordem os servidores manifestaram em frente aos órgãos jurisdicionais para alertar a administração sobre a insatisfação com relação aos direitos que não estão sendo efetivados relacionados à recomposição salarial, devido as perdas inflacionárias do último ano.

Para a presidente do Sinjur, Gislaine Caldeira esse é o momento para a categoria unir forças na luta pelos direitos dos servidores.

“O Sindicato é o instrumento mais valioso para a luta dos trabalhadores, e fundamental para enfrentarmos as lutas atuais, e as que estão por vir, numa conjuntura onde os nossos direitos vem sofrendo violações”, destaca.

Fotos da mobilização

       

Vídeo 

Leia mais – Convocação para Ato de Manifestação no dia (14/10)

TJ aprova projeto de lei para desfazer recomposição salarial dos servidores

Comments

comments

Compartilhar