Coordenador da Fenajud debate com deputado medidas contra a Reforma da Previdência

Google+ Pinterest LinkedIn Tumblr +

Encontro aconteceu no Mato Grosso do Sul e foi oportunidade para o coordenador de Assuntos Parlamentares da Federação expor alguns pontos cruciais para a classe trabalhadora.

O coordenador de Assuntos Parlamentares da Federação Nacional dos Trabalhadores do Judiciário nos Estados (FENAJUD), Fabiano Reis (vice-presidente do SINDIJUS-MS), esteve com o deputado federal Dagoberto Nogueira (PDT-MS). O objetivo do encontro, que aconteceu nesta segunda (08), discutiu meios de barrar a Reforma da Previdência que tramita no Congresso Nacional. Fabiano apresentou ao parlamentar os pontos cruciais que podem prejudicar a classe trabalhadora no país.

Durante o encontro Fabiano explanou sobre os inúmeros prejuízos caso a Proposta de Emenda à Constituição (PEC 06/2019)— Reforma da Previdência seja aprovada sem nenhuma alteração. “Não vamos aceitar que a reforma seja aprovada dessa forma, por isso estamos conversando com as bancadas parlamentares e partidos de oposição para que se amplie o debate e retirem pontos específicos da proposta”, afirmou Fabiano.

O deputado Dagoberto deixou claro seu posicionamento quanto ao tema e adiantou que não concorda com a reforma. Para ele os trabalhadores não devem ser prejudicados com a situação financeira do País. O parlamentar colocou seu mandato à disposição para auxiliar no que for necessário. Dagoberto faz parte do bloco de oposição ao governo (PT, PSB, PCdoB, PDT e Psol), que já sinalizou que são contrários à reforma da Previdência.

A Fenajud tem feito articulação no Congresso Nacional com deputados de todos os estados. O intuito é saber o posicionamento de cada parlamentar, para debater os prejuízos para os trabalhadores e as trabalhadoras, além de conseguir o maior número de votos possíveis contra a reforma.

Com informações da ASCOM SINDIJUS-MS

 

Comments

comments

Compartilhar