Fenajud conclama classe trabalhadora para o Dia do ‘Basta: nenhum direito a menos’, sexta-feira (10)

Google+ Pinterest LinkedIn Tumblr +

Trabalhadores e trabalhadoras deverão protestar junto às centrais contra o desemprego, a retirada de direitos, o aumento do preço dos combustíveis e as privatizações.

A direção colegiada da Fenajud (Federação Nacional dos Trabalhadores do Judiciário nos Estados) decidiu pelo engajamento e participação nas atividades do Dia Nacional de Mobilização, ‘Basta: nenhum direito a menos’, convocada pelas centrais sindicais para a próxima sexta-feira (10).

A entidade orienta que os sindicatos e suas bases participem dos atos nos estados, fortalecendo as atividades conclamadas. O objetivo do protesto é mostrar o descontentamento da classe trabalhadora contra o desemprego, a retirada de direitos dos trabalhadores, o aumento do preço dos combustíveis e as privatizações.

A orientação é que os trabalhadores e trabalhadoras, sob a supervisão dos sindicatos, realizem paralisações, atos de protesto em locais de trabalho ou nas ruas.

Na avaliação da Fenajud, o momento é de unidade entre as diferentes categorias, visto que nunca os direitos dos trabalhadores e as conquistas sociais foram tão atacados como estão sendo no atual momento histórico brasileiro.

Dia do Basta

O Dia de manifestação integra campanha de esclarecimento sobre o que estará em jogo no processo eleitoral de outubro seja em relação aos cargos do Executivo como a composição do Congresso Nacional.

Agenda do Trabalhador

Em junho, as centrais aprovaram uma “agenda prioritária da classe trabalhadora”, com propostas para o próximo governo. O documento já foi entregue a candidatos e líderes partidários. Entre as pautas, os trabalhadores protestam contra a política de preços da Petrobras e o aumento do gás de cozinha e os cortes pelo governo Temer nas políticas sociais. As entidades querem ainda a revogação da Lei 13.467, de “reforma” trabalhista, e da Emenda Constitucional 95, que congela gastos públicos por 20 anos.

Comments

comments

Compartilhar

Deixe uma resposta